Cidade Nova

 Voltar à lista de projetos
Ano
2012
Custo
Undisclosed
Pisos
Undisclosed
Architecture

Ricardo Vieira de Melo

Project Team
Rafaela Naia, Eduardo Mota, Daniela Santos, Nuno Silva, Nuno Marques

Contractor
City of Mikkeli

Building area
290.390 m2

Intervention area
329.470 m2 – 32,9 ha

Luz, Espaço e Temperatura

Mikkeli é um cruzamento importante entre o norte e o sul da Finlândia, ocupando uma posição geográfica estratégica que o novo projeto pretende fortalecer. Apesar de a história da cidade estar muito relacionada com o lago Saimaa e toda a sua rede de canais, a barreira ferroviária dificulta enormemente sua relação

A solução propõe dois modelos de acordo com a área de intervenção: Junto da cidade consolidada - subárea 1 e 2, o projeto reinterpreta a continuidade da malha urbana estendendo-a para o lago. Nas áreas mais distantes - subárea 3 e 4 opta-se por implantações mais dispersa e ambientes mais "naturais".

Na subárea 1 serão construídas as principais instalações: O Centro de Ciências é proposto para ser um edifício emblemático. A sua localização na margem do lago pretende reforçar a sua excecionalidade e, assim, permitir fruição pública. As relações visuais de fora para dentro e a sua forma estão relacionadas com o modo como o programa interno está organizado. Assim a imagem externa resulta da organização interna que propõe vias e corredores que convidam à descoberta: cada compartimento agarra-se à fachada para aproveitar ao máximo a luz natural, enquanto os espaços sobrantes originam ruas e largos interiores.

O edifício do hotel será o mais alto de Mikkeli e posiciona-se no eixo da rua Hallituskatu como contraponto à Catedral. A sua forma volumétrica pretende enriquecer o skyline da cidade e oferecer aos turistas e visitantes uma nova visão da região Satamalahti. Terá 120 quartos, oferecendo uma unidade hoteleira com spa e centro de conferências.

A Rampa Comercial, um edifício-rua que se eleva para transpor a via-férrea, resolve a ligação da margem do lago ao centro da cidade.

Dois novos parques de estacionamento, um subterrâneo e outro "aéreo" podem usar-se como atravessamentos longitudinais sob ou sobre a praça para libertarem o tráfego mesmo durante os festivais que a ocupem.

O projeto tem como objetivo oferecer diferentes opções de alojamento nas três subáreas 1, 3 e 4. Para a primeira é proposto um tipo de alojamentos urbanos, de pequenas tipologias. Para a subárea 3 uma tipologia mais familiar e para a zona 4 tipologias variadas.

Outros projetos por RVDM Arquitectos

House in Costa Nova
Ílhavo, Portugal
House in Quintãs
Aveiro, Portugal
Edifício Farol - Praia da Barra
Ílhavo, Portugal
Casas no Canal São Roque
Aveiro, Portugal
Live'in - Glicínias
Aveiro, Portugal
House in Palhaça
Aveiro, Portugal